domingo, 13 de dezembro de 2009

Cecelia Ahern

Gosto de caracterizar Cecelia Ahern como uma escritora de sonhos...
Cada livro que leio dela, é como um sonho misterioso estivesse a ser contado... Gosto dos finais dela... Na capacidade que consegue colocar ao leitor de sonhar com as persnagens...

Cada livro dela parece um filme... Claro, o P.S. I Love You foi mesmo levado para os cinemas... Mas penso que o filme não faz justiça ao livro... Fiquei desiludida ao ver o filme...

Recomendo a leitura do livro:
"Para sempre, Talvez"


"Um lugar chamado Aqui"


E aproveito para também deixar uma pequena biografia da escritora:

Cecelia Ahern é filha do atual Taoiseach irlandês, Bertie Ahern. É formada em jornalismo e multimídia pelo Griffith College Dublin. Sua irmã mais velha, Georgina Ahern, é casada com Nicky Byrne, da banda pop irlandesa Westlife.

Em 2000, Cecelia fazia parte do grupo pop Shimma, que terminou em terceiro lugar na final irlandesa do Festival Eurovisão da Canção.

Aos vinte e um anos, seu primeiro romance, PS. Eu Te Amo, tornou-se o bestseller mais vendido na Irlanda (por 19 semanas), Reino Unido, EUA, Alemanha e Holanda. O livro está sendo adaptado para o cinema, em produção dirigida por Richard LaGravenese, com lançamento previsto para dezembro de 2007. Seu segundo livro, Onde Terminam os Arco-íris foi o vencedor do CORINE Award alemão. Cecília tem também contribuído escrevendo contos em livros editados por organizações beneficentes sem fins lucrativos.


Romances
P.S. Eu Te Amo 2004 (em Portugal, P.S. - Eu Amo-te; no original, PS, I Love You)
Onde Terminam os Arco-íris 2005(em Portugal, Para Sempre, Talvez; no original, Where Rainbows End; nos EUA, Rosie Dunne ou Love, Rosie)
Se Me Pudesses Ver Agora 2005 (no original, If You Could See Me Now; nos EUA, A Silver Lining)
Mrs. Whippy2006
Um lugar chamado Aqui2006 (no original, A place called here)


Contos
Next Stop: Table For Two em "Short and Sweet", 2005
24 Minutes em "Moments", 2004
The Calling em "Irish Girls Are Back In Town", 2005
The End em "Girls' Night In / Ladies' Night", 2006

Tempo que leva tempo para conseguir perder tempo

Ai que este meu mundo rosa anda um turbilhão de sentimentos, de correrias, de vida... Acho que chamam viver a este corre corre e aos altos e baixos...

Não tenho passado pelos melhores momentos da minha vida mas também não tenho andado pelos piores... pena não haver um rosa transparente... ou neutro, pois sinto-me assim...

Quero manter o controlo mas nem tudo tem controlo... A minha vida tem vida própria...

Pois bem passo a explicar uma coisa que me deixou com vontade de "libertar" o meu animal feroz que tenho dentro de mim:

"uma fulana, um grupo, eu, e os de mais que me rodeiam, são as personagens.

Quando um grupo de pessoas trabalham convém que todos os membros trabalhem... boca para barulho seria o que eu iria ouvir se aqui estivesse uma grande amiga minha.

Fiquei triste ao ver que a fulana não pensa assim... Mas o grupo tentou falar com ela, visto que eu perco a paciência para ser meiguinha a falar e com delicadeza, chama-la à atenção... Eu ainda tive esperança que resultasse... Mas enfim... Não resultou... Eu voltei a ficar irritada, ainda para mais quando apanhei a fulana em plena mentira... Sim ela teve coragem de mentir descaradamente... E eu que supere isso...

Pronto mas a resolução foi simples... Falamos com a docente responsável, foi explicada a história toda e como resultado: ela vai ser excluída da avaliação deste trabalho... Senti-me bem para ser sincera, foi justo, não gosto de me sentir explorada.

Bem mas agora vem o reverso da moeda... Para os demais que não estão por dentro da história eu sou má cruel e injusta, a fulana é a bonita no filme. Eles ainda nem se deram ao trabalho de verem o que é que se tinha passado pelo nosso lado (o lado do grupo)... Irrita-me este estado de cegueira deles... E alguns ainda se dizem justos..."

Esta foi a minha história mais leve mais fácil de resolver... O resto foi muito pior!!! e ainda vai ser... Situações com as quais vou aprender a lidar, dificuldades que me deixam de rastos...

Quando vou na rua sinto-me transparente... Como se ninguém desse logo pela minha presença... Ontem tive que ir para o Porto, tinha que me sentir fechada no meu mundo... Lá as pessoas passam e não me conseguem ver, não me sentem, não sabem que ser sou eu... Sinto-me fechada no meu mundo de sonho, no meu universo pintado de rosa... Lá é a minha fuga, a minha ilha... Com tanta gente, e tão isolada...

domingo, 22 de novembro de 2009

Sentimentos...


O que se sente num momento é único... Mas por vezes de tão especial que é, esse sentimento é projectado para o futuro, e revivido de uma forma esporádica...

E eu que o diga... Neste meu mundo encantado já vivi momentos tão únicos e profundos, que tudo o que foi sentido projectou-se até hoje...

Ontem enquanto falava com uma amiga reparei que continuava a sentir exactamente o mesmo que no final do secundário sentira...

Há um vazio, um espaço por completar, para que eu consiga fechar as portas, e seguir em frente sem ter receio do que perdi ou deixei fechado...

Mas está difícil de preencher o vácuo que tenho... Nem sempre as coisas seguem o caminho mais desejado, o caminho mais sonhado... Lutar é o que me dizem... Luta luta por aquilo que te faz falta agora...

Contudo não sei o que me faz falta agora, não sei deferir o que preciso com urgência... E quando penso nisso tudo, sinto-me irracional, e incoerente... Eu não sou assim por norma. Estou a mudar, mais uma vez estou a crescer...

Talvez um dia eu consiga largar essa porta aberta, e deixa-la fechada no longo percurso que farei... Ou talvez aprenda a viver com esse vazio dentro de mim...

A sonhar sei que continuarei, e a ver este mundo sempre cor de rosa, a minha cor da esperança, a minha cor da sorte...

Beijos para os meus leitores...

quinta-feira, 12 de novembro de 2009


"O fim para que os homens inventaram os livros foi para conservar a memoria das coisas passadas contra a tirania do tempo e contra o esquecimento dos homens, que ainda é maior tirania..."

Achei esta frase inspiradora e por isso estou a partilha-la...

Muitas das grandes histórias que são lidas hoje em dia provêm desses livros épicos e históricos que foram redigidos há tantos anos... Mas continuam a fazer muita gente sonhar, a educar e a prevalecer valores preciosos em muitas culturas...


Eu preservo as minhas histórias em pequenas folhas, com frases escritas de forma desprendida... É o meu rosa a fazer-se exprimir...


Bem pensem sobre as palavras acima :D e leiam muito...

beijinhoooo

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Nicholas Sparks, o meu escritor



Hoje fui às compras... E como leitora que sou, não deixei de dar uma olhadela aos livros por onde passei... E lá estava ele a sorrir para mim... O livro acabadinho de lançar de Nicholas Spark... Tive que o comprar...

Ele é um escritor que consegue satisfazer psicologicamente as mulheres... Mulheres de todo o mundo lêem os livros dele... Não estou a descriminar os homens... Mas têm que concordar que a forma como ele escreve é mesmo voltada para a mulheres... Ele sabe dar asas à nossa imaginação... Sabe fazer-nos suspirar, chorar e desejar... Desperta tantos sentimentos em nós...


Por isso deixo uma mini bibliografia sobre ele... E quem nunca leu uma obra dele, comecem a ler pelo "Um Momento Inisquecível"...

Nicholas Sparks nasceu em 1965 em Omaha, Nebraska. Cresceu em Fair Oaks na Califórnia e vive actualmente na Carolina do Norte com a família. Foi durante algum tempo delegado de informação médica até que Theresa Park, agente literária, decidiu começar a representá-lo, vendendo os direitos do seu primeiro romance O Diário da Nossa Paixão (The Notebook) à Warner Books. O sucesso foi imediato e a obra permaneceu durante 56 semanas consecutivas nos tops americanos. Seguiram-se livros como As Palavras que Nunca te Direi (Message in a Bottle) e Um Momento Inesquecível (A Walk to Remember), Corações em Silêncio (The Rescue) também eles sucessos editoriais de grandes proporções, tendo o primeiro sido adaptado para versão cinematográfica pelo próprio autor. Considerado o golden boy da ficção comercial americana é um autor consagrado internacionalmente pelo público.


Beijinho muito rosa da vossa Blogueira...

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Outono









Eu bem me farto de dizer que o rosa está na moda e agora isso é bem evidente... Hoje fui às compras, e lá estava o rosa... Essa cor tão fantástica... Até guarda chuvas rosa se vendem... hehehe

O Outono ganha outra nostalgia com os tons rosa... Ai Ai...


Agora que referi esta bela estação do ano, muito romântica ela é... A nostalgia das folhas em queda, o cheiro à chegada do frio e da chuva... O vento que sopra... Todo este ambiente deixa-me com vontade de suspirar...

Já sou sonhadora e fantasiadora em dias considerados plenamente normais... Mas nesta altura do ano acho que fica agravado esse meu lado...

Adorava namorar nesta altura do ano... Sei que é lamechisse mas é tão bom...

Cada estação do ano traz-me um sentimento diferente e profundo...

Hoje está a chover lá fora... e Eu estou aqui dentro do meu mundo encantado, a ouvir as gotas da chuva, a pensar nas pessoas que me fazem suspirar de felicidade e a escrever... Para tudo isto ficar ainda mais rosa só falta um chocolate quente acabado de fazer...

Ai ai... A vida pode ficar sempre com um toque mais doce quando se mistura chocolate... Não tivesse este a cor da estação do ano que tanto gosto, não combinasse essa cor com o meu rosa... Tudo se torna perfeito e equilibrado...


Agora para o nível de perfeccionismo ser mesmo mesmo elevado falta eu arranjar o meu príncipe... Mas quem espera sempre alcança...


Por agora é tudo...

Um beijo Fofo e rosa para vocês =D

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Gripezinha...

Pois é... O meu mundo cor de rosa foi invadido por esse vírus, o da gripe sazonal... Até a febre tive direito... Agora estou numa fase de recuperação... O pior já passou...

Estive de cama praticamente 2 dias... Perdi o meu fim de semana... E agora tenho uma tosse insuportável... Espero que ela passe rapidamente.

Sendo assim o meu mundo perdeu uns tons rosa... Ando meia rosa transparente... Todo o meu corpo funciona em modo automático... Não reajo a piadas, não consigo correr, não falo de mais... Estou meia a dormir para a vida...

Espero que este vírus morra... Pelo menos ao ter que passar por isto que fosse a Gripe A, assim já me via livre desse vírus que tanta boa gente teme...

Desculpem meus leitores, mas não me sinto inspirada para vos retratar este meu mundo rosa... O meu cérebro também foi infectado e está a funcionar a uns 20% ao dia...



Beijinho com sabor a algodão doce cor de rosa para vocês...

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Dias destes têm que ser mesmo rosa...

Pois é... Hoje foi um dia que se tornou um rosa velho...

Isto porque tive um teste a uma cadeira em que a matéria até é fácil... Mas o professor lembrou-se de fazer um teste de quase 3h para resolvermos em 1h30min... Não me perguntem como me correu... Porque eu não vejo a sair grande coisa dali...

Bem mas a coisa rosa choque que hoje me aconteceu foi a minha suposta "amiga" fazer uma festa quando me viu a entrar na sala dela para fazer o teste... Foi mesmo ridículo... Estas pessoas não se tocam... E eu com a minha incapacidade de ser cínica, respondi mesmo de forma seca!

Esta minha personalidade fantástica não me deixa ser falsa... Desculpem os que não gostam =D

Bem mas agora o meu dia vai acabar com um rosa muito escuro... Tenho que iniciar o meu estudo para o próximo teste... E o como o professor dessa cadeira é o mesmo que a cadeira que fiz hoje, é melhor aplicar-me muito...

Beijinhos com perfume rosa da vossa blogueira ;)

sexta-feira, 23 de outubro de 2009




HEHE parece que a Minha amiga Dani me passou um selinho :D

E parece que também tenho que responder Às perguntinhas que vieram com ele :D
Ora aqui vou eu:

Mania: Sempre que estou distraída com algo que me deixa com ansiedade tenho a mania de roer as unhas :S Não gosto nada disso, mas não consigo evitar...



Pecado Capital: O da Gula, como com muitas guloseimas, mas principalmente como com os olhos... Meu Deus, se os olhos tirassem um pedaço quando eu como com eles, tanta coisa e tanta gente já tinha perdido um pedacinho para mim :D


Melhor cheiro do Mundo: O perfume do meu sobrinho, adoro senti-lo...


Se o dinheiro não fosse problema: Mudava-me para Ibiza... Melhor ambiente era impossível conseguir...


História de infância: Ai Ai, tenho tantas que para escolher uma mesmo boa está difícil... Mas uma rápida foi nas vésperas do casamento da minha irmã (sim porque ela tem 15 anos de diferença de mim, e quando ela casou eu tinha aproximadamente 5 anos). Bem a minha irmã estava a falar com a minha mãe a dizer que eu precisava de cortar o cabelo, porque estava muito grande e para o casamento ia mais gira com ele mais curto, vem daí que eu e o meu irmão (mais velho que eu 3 anos) lembramo-nos de tratar do meu cabelo para a minha irmã não perder tempo a levar-me à cabeleireira... Devem de estar a ver como fiquei... Com franja torta, com um lado mais curto que o outro, e a única solução foi mesmo cortar curto... Cada uma que eu e o meu irmão aprontávamos que nem imaginam... Mas toda a gente acabava a rir e agora adoram lembrar-se das nossas mini aventuras...

Habilidade como dona de casa: Mandar nos meninos da casa!!! Melhor que os meter a trabalhar?? É difícil... =D


O que não gosto de fazer em casa: Passar a Ferro, grande seca...



Frase preferida: "Vive a vida e não corras para a morte " Temos tempo para lá chegar... Muito tempo :D

Passeio para o corpo: Um Cruzeiro por umas ilhas paradisíacas... Digamos que o meu corpo agradecia, principalmente se levasse a companhia perfeita :D


Passeio para a alma: Sozinha numa praia deserta, tanto ao amanhecer como na altura do crepúsculo... Sinto que a minha alma fica em paz...

O que me irrita: Aqueles defeitos que toda a gente aponta nos outros, mas que não são capazes de ver neles próprios...

Frases ou palavras que uso muito: "é não é Elisabete?!?!" (sim sim eu falo comigo própria... Pareço doidinha), ''Tenho Sono'', "Café" e "Sueca italiana"...


Palavrão mais usado: Para ser sincera quando estou enervada são tantos os que uso, até mete medo... Mas o mais usado é o c@r@lh*


Vou aos arames quando: Eu sei que tenho razão, e as pessoas insistem que não, e dizem que sou mesmo teimosa... E como teimosa que sou, provo que tinha razão e elas não dão o braço a torcer...

Talento oculto: Hum se é oculto, ainda não sei qual é... Mas quando ele se revelar eu publico... lool

Não importa que seja moda, eu não usaria nunca: Aquelas roupas tigresa ou aquelas calças super hiper mega brilhantes, que mais parecem as bolas das discos... Tão rídiculo...

Queria ter nascido a saber: Pintar. Adoro pintar a vida, mas não consigo exprimir numa tela o que sinto ou vejo... É bem mais fácil exprimir-me a escrever...


Bem e aqui ficaram as minhas respostas :D
E aparentemente tenho que passar este selinho para mais 5 bloguistas, mas ainda não tenho para quem passar... Mas quem quiser vir aqui e raptar o Selinho eu deixo :D


Beijinhos muito rosa ;)

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Amizades Rosadas =D

Dizem que os momentos especiais são para serem vividos e recordados... Mas não chega só isso. É preciso serem vividos com mais pessoas, pessoas importantes. Têm que ser recordados pela felicidade, pela emoção, pelo que sentimos no momento...

Se fazemos amigos e os mantemos como tal, é para termos alguém que testemunhe a nossa vida. Para que quando um dia formos apenas um corpo morto, eles recordem os nossos sorrisos, as parvalheiras, as piadas secas, as horas tristes, os sorrisos arrancados à força.

O nosso livro de recordações é constituído pela amizade e partilha que vivemos com as pessoas que mais gostamos....

Por isso quero que todos os meus amigo mantenham o registo do livro de recordações actualizado, e todos os dias trabalho para isso...

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

O sorriso :D





Começa num simples sentimento que desperta no nosso rosto um gesto... Um simples mexer de lábios... Demonstra a felicidade do instante, a alegria que é sentida no coração... Contudo algo acontece que leva à morte desse sentimento.. Que deixa a revolta no doce olhar... Desvanece a felicidade e em seu lugar a tristeza nasce, tocando no coração juntamente com o aperto sentido na alma faz com que o olhar se transforme num rio de tristeza...

A ternura de um doce sorriso dá lugar ao sofrimento causado pela desilusão...

Mas como o sorriso desaparece também reaparece com a alegria de uma boa noticia, com o apoio da felicidade... Os lábios movem-se de forma suave... Transmitem o sentimento efémero mas que se repete sempre que algo de bom acontece depois de algo de mal ter acabado...
E assim é o sorriso...

Escrito a 8/Mar/2007


Este pequeno texto escrevi em tempos... E sempre que o leio ele faz sentido... Sorriam :D tornem esse vosso mundo muito mais Rosa :D

Beijinhos rosa da vossa escritora ;)

terça-feira, 20 de outubro de 2009

A princesa no seu reino encantado :D

Hoje estou especialmente inspirada... Digamos que acordar em modo automático é sempre bom. Os carros também deveriam de ser assim... Ai e tal hoje não me apetece conduzir, o que faço?? Activo o modo condutor automático (pena não ter sido inventado). O meu cérebro pela manhã funciona mais ou menos assim... Acordo e penso não me apetece abrir os olhos, logo é activado o modo automático... Nada que faço ou digo tem sentido, nem grande linha de raciocínio. Mas consigo ficar apresentável e ir para as aulas.

Gostava de filmar o meu ridículo levantar da cama pela manha... Cabelo desgrenhado, olhos fechados tipo zombi, uma perna das calças do pijama toda amachucada e acima do joelho, a outra toda torcida, o rosto todo marcado de usar a almofada toda amolgada... UUUUUiiiiihhhhh que eu só de imaginar a imagem já me estou a rir...

Bem mas a fonte da minha inspiração provém das minhas aulas de Finanças Empresariais II que tão bem passadas elas são... hahahaha Digamos que o professor é um jeitoso daqueles (e a ele atribuo um tom de rosa suave como a voz dele). Pois bem, na Universidades todos os professores que apanhei ou eram muito velhos e sem charme, ou novos e ridículos, ou eram mulheres. Este é a excepção mais agradável que no poderia ter saído na rifa... Sabe ensinar, é charmoso e cheio de estilo, tem uma voz sensual (acho eu...) e vai para o ginásio... Aqueles braços dele... OH GOOOOOOD... Bem como devem imaginar as meninas raramente faltam às aulas dele, e normalmente ficam todas nas primeiras filas na sala...

Hoje acho que a minha aula foi de um nível de ridicularidade muito elevado... Eu e a minha amiga só nos rimos... Tenho que admitir que eu estava com uma imaginação muito perversa... Também pudera, o professor com o ar betinho que eu gosto (sim, não tinha lógica eu gostar de um ar desgrenhado, pois no mundo cor de rosa tudo tem que ser certinho e direitinho), aqueles músculos bem definidos dos braços, o seu rabo tão jeitoso... Ai ai ai, até de lembrar já me dá ideias...

Mas é melhor não falar destas coisas...

Mas hoje a parte cómica foi o almoço... Coitadas das minhas amigas, sou mesmo tagarela... Elas tiveram uma over dose de anedotas secas, de comentários ridículos, mas que deram para rir tanto que o almoço prolongou-se mais um pouco (uma parte de um lindo rosa). Gosto de partilhar estes momentos com pessoas tão espetaculares como elas. E assim elas ajudam-me a dar um toque mais rosa neste meu mundo encantado.

Só tenho pena de ainda não ter arranjado (temporariamente) um príncipe encantado para preencher a vaga, é que está difícil. Quando lá vem um com o seu cavalito, pumba abre a boca e estraga tudo. Outras vezes vem um príncipe, mas vem alguém por traz de mim e lá o leva... Eles ou são raptados, ou assediados por outras princesas (algumas parecem andar com uns calores tão fulminantes que os príncipes nem conseguem fugir)... Não percebo... Eu como princesa do meu mundo encantado procuro um príncipe digno, mas não me estou a ver a ir salvá-lo das garras das bruxas más, nem a enfrentar o temível dragão para salvar o meu príncipe (uma inversão de papéis muito estúpida, logo um rosa velho a aplicar nesta situação)...

As histórias encantadas não são assim...

E no meu mundo encantado o príncipe tem que lutar pela princesa, não estou presa numa masmorra, nem corro perigo por causa de nenhuma bruxa, mas tenho um coração com um grande muro, e com vedação eléctrica de alta voltagem... O meu príncipe vai ter que ser resistente e persistente... Depois eu trato dos ferimentos dele, ele que não se preocupe com isso... Não quero é ser feliz para sempre com ele... Não me vejo a ficar já casada e com um final tão batido... Quero conhecer outros príncipes que me façam muito feliz... E quando o meu reino assim exigir, terei o meu final feliz com alguém, mas se for a reinar sozinha não haverá problema, desde que tenha sido feliz com todos os príncipes que partilharam passagens da minha vivência...


Bem é melhor ficar por aqui agora... mas ainda volto com um novo post...

Beijinhos muito muito muito cor de rosas, e continuem com o vosso mundo em tons de rosa...
video

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

A presença do rosa =D

Não percebo o porquê de tanto stress... A vida tem que ser saboreada minha gente...
Se andamos com muito trabalho ou com prazos muito apertados não adianta correr, isso só vai atrapalhar mais.
Dizem que se pensarem assim não terminam as coisas a tempo, desenganem-se pois, se andarmos a correr, os acidentes acontecem com maior frequência, e quanto mais insistirmos em andar a mil por hora mais problemas nos surgem.
Pensem que a vida só tem sabor se lhe dermos um toque de prazer, se olharmos e pintarmos as situações em tons rosa.
Por exemplo, hoje estava eu numa aula da minha licenciatura, quando a docente anuncia que não quer que nos atrasemos na elaboração do trabalho de grupo, que será para entregar dentro de duas semanas, os elementos do meu grupo não stressaram como os outros... Tudo nas calmas. Não estamos adiantados mas também não estamos atrasados, estamos a acompanhar o ritmo da docente, eis uma perspectiva de vida cor de rosa claro...

Mas numa perspectiva de um rosa velho (cor que refiro para as coisas estúpidas que me acontecem) descobri que tenho uma amiga nova... uhuh deveria de ser motivo para festejar, mas não é... Digo isto, porque a pessoa em causa nem me pode ver pintada de cor de rosa choque (cor muito fashion), existem atritos entre nós, não percebo porque foi ela dizer a um conhecido meu (jeitoso por sinal, acho que o classificaria com um rosa bebe, deve-se olhar para ele quando passa na rua) que era minha amiga... Muito estranho e estúpido. Esta gente é muito estranha...

Mas tentando ainda pintar bem mais o mundo em tons de rosa, descobri que tenho uma amiga que detesta o rosa. Bem como podem imaginar ela nunca vai conseguir ler este meu blog por ser inspirado em tais tonalidades que representam a vida numa perspectiva optimista. Mas o meu mundo é pintado desta cor, e nao posso alterar isso..

Hoje pela manha dei a minha deixa, diz a minha companheira de quarto: "Fogo coitado do que morreu... Tudo por causa de coisas estúpidas...", e a minha deixa foi: " Vê o lado positivo, era pior se tivessem morrido os 27 feridos..." (têm que me dar um desconto era de manha, mais precisamente 7h 45min, não estava própriamente a trabalhar com o meu cérebro a 50%)... Mas apesar de tudo foi uma forma de ver a vida em tons rosa...


Por agora é tudo, tenho que continuar a olhar pela vitrina para ver os jovens universitários que passam pela rua... Talvez encontre um "Deus" entre eles...

Um beijo muito rosa e continuem a pintar o vosso dia nesta cor tão esbelta...

domingo, 18 de outubro de 2009

O ínicio de um sonho...

Só de pensar no que me levou a iniciar este blog já me deixa em pensamentos profundos.
As minhas amigas caracterizam-me como uma sonhadora. Dizem que não tenho a realidade bem absorvida como sendo um conceito mais complexo. Gosto de tornar tudo o que me rodeia mais cor de rosa. Para desgraça já basta a minha vida, não quero nem faço questão de ainda viver com as desgraças dos outros...
Cada pessoa é única e cada um escolhe a sua forma de ver o mundo. Eu vejo o mundo em tons cor de rosa, rosa choque é a cor de tudo que sobressai no mundo, rosa bebe é a cor do que não realça mas que deve-se olhar, ter em conta, dar valor.
Mas ao longo dos meus poste's espero que se apercebam da cor mais in neste blog...

Por agora me despeço com um beijinho muito rosa desta blogueira...